Tag Archives: livro

A Cabana

29 set

livros4Estava de férias, saí 15 dias para descansar! Fui com meu marido para a praia, passamos lá a última semana! E choveu, e ventou demais…. mas tbm fez sol, e vimos aquele por do sol maravilhoso no mar! 

Levei o livro “A Cabana” de Willian P. Young para ler e com os dias chuvosos terminei em poucos dias!

Adorei e recomendo!

Uma leitura intensa, mexe com as nossas emoções, nossa expectativa cresce, nos traz algumas reflexões importantes e essenciais para a vida e o sentido de viver, sobre se relacionar com Deus! Uma abordagem diferenciada, impactante, inovadora!

Leia, se dê esse presente!

Um bjo gde!

Anúncios

Literatura

14 ago

Eu ando tão corrida que não estou conseguindo ler nada ultimamente, o que começa a me incomodar bastante. Preciso escolher algo bom (e tem tanta coisa por aí) para mergulhar!

Gosto de fazer assim: leio ao mesmo tempo um livro espiritualista ou de qualquer assunto relacionado e outro livro que não tenha nada a ver com isso.

Lembrei do quanto gosto de psicanálise, psicologia…. pois um dos livros que mais gostei de ler e não esqueço é o “Quando Nietzsche Chorou” de Irvim Yalom. Gosto de muitos assuntos, mas este foi um dos marcantes! Devorei!

Não vi o filme e não quero ver!

Adorei o livro, achei surpreendente e instigante. Todo mundo tem seus monstrinhos interiores!

Se você não leu, leia! Se não gostar, valeu a experiência, rs! 110003_w235_2344f4f0fd0bb4f193595cb1b003c48d

Prévia: “Este livro tem como pano de fundo o fermento intelectual da Viena do século XIX às vésperas do nascimento da psicanálise. Friedrich Nietzsche, o maior filósofo da Europa… Josef Breuer, um dos pais da psicanálise… um pacto secreto… um jovem médico interno de hospital chamado Sigmund Freud – esses elementos se combinam para criar a saga de um relacionamento imaginário entre um extraordinário paciente e um terapeuta talentoso. Na abertura deste romance, a inatingível Lou Salomé roga a Breuer que ajude a tratar o desespero suicida de Nietzsche mediante sua experimental terapia através da conversa. Ao aceitar relutante a tarefa, o eminente médico realiza uma grande descoberta – somente encarando seus próprios demônios internos poderá começar a ajudar seu paciente. Assim, dois homens brilhantes e enigmáticos mergulham nas profundezas de suas próprias obsessões românticas e descobrem o poder redentor da amizade”.

Fonte: http://www.sinopsedolivro.com/2008/03/sinopse-do-livro-quando-nietzsche.html

Agora vou pensar nas 2 próximas leituras, quando resolver, conto para vocês!!!!