Tag Archives: coragem

YOGA

24 abr

Para ler, ouvindo Krishna Das “Namah Shivaya” http://www.youtube.com/watch?v=Zpu6bMhM_L0

Comecei a fazer aulas de yoga há três meses. Foi uma decisão um pouco impulsiva, não pensava muito nisso, quando minha irmã decidiu ir ver uma escola que existe perto de nossa casa. Fui junto. Fizemos uma aula experimental e adoramos! A yoga lá é a hatha yoga.

Depois da matrícula, iniciamos! É tudo novo para mim, ainda não sei muita coisa, preciso ler mais a respeito e aprender também na prática. Mas isso é com o tempo e dedicação mesmo!

Na aula experimental confesso que não acreditei que ia conseguir ficar naquela posição muito tempo, com as pernas cruzadas, sobrepostas, por causa da minha coluna. Mas a posição ajuda a diminuir a circulação nas pernas. O sangue sobe para a parte superior do corpo (abdomem e tórax) e fortifica a musculatura das costas, o que favorece a permanência nessa posição. Você precisa fazer força, manter a coluna reta. Haja disciplina, mas isso é fácil, é só o começo da aula, depois vem muito mais!

Início da aula

Início da aula

Em seguida, começam os exercícios de respiração. (pranayamas) Se você fizer direitinho, já começa a sentir os efeitos: fica mais centrado, mais interiorizado, mais relaxado, o que facilita os exercícios.

Depois vêm as posições (ásanas) Haja sufoco. Dói tudo, ahahah, mas quando você começa a perceber que a cada aula rende mais, que satisfação! Satisfação consigo próprio, respeitando seus limites, mas fazendo o melhor que pode.

Teve um dia que, durante um exercício difícil eu chorei. Tinha passado o dia meio nervosa e peguei um trânsito danado pra chegar, cheguei atrasada para a aula, totalmente esbaforida. Quando o professor começou a falar que o tal exercício mexia com a determinação, perseverança, coragem…… pronto…. saíram umas lágrimas, mas mantive a posição, com dor e tudo, fui até o limite.

A cada aula, a gente força um pouco mais, sobe um degrauzinho. E se sente melhor. O corpo mais forte, responde melhor.

Invertida

Invertida

Depois das posições vem a parte de relaxamento. (yoganidrá) Você mantém a consciência e relaxa, não vale dormir, rs!

E por último vem a concentração, para exercício mental e meditação. (dháraná, dhyana, samadhi). Acho que se todo mundo meditasse um pouquinho por dia, seria mais feliz, mais consciente. Creio que é uma forma de você não deixar a rotina te dominar.

Mais uma dica, a mais importante: há lugares e lugares para se praticar yoga, veja bem o que diz a filosofia, o que se proporciona na escola, a experiência do professor e sua proposta, porque virou “moda” pra muita gente. E sempre há lugares que distorcem a verdadeira finalidade da yoga, dando abertura para exibicionismos e preconceitos.

15353-05mg

Veja bem aonde você decide praticar, ok?

Beijo!