Archive | julho, 2009

Amizade verdadeira!

31 jul

Os animais de estimação são realmente um presente para quem os têm! São puros, companheiros e nos dão toda a alegria e carinho!

Sabem nos surpreender com suas peripécias, atitudes e humores tão singulares…… personalidades que impressionam, nos fazem sorrir mais do que qualquer outra coisa! A gente sabe de pessoas doentes que melhoraram e se curaram depois de ganharem um bichinho, seja ele qual for.

Eu, definitivamente, amo os animais! Na próxima encarnação quero cuidar de bicho, rs… é muito mais legal do que o que eu faço hoje (sou advogada), hehehe!!!!!!!!!

Duro é vê-los partirem, depois de anos e anos lado a lado! A gente nunca esquece aquele amiguinho que viveu ali, tão perto. Eles ficam guardados na memória e no coração! Depois que o sofrimento pela ida passa, a gente começa a sentir falta e adota um novo bichinho!

Por isso, não posso esquecer o Igor, nosso vira lata que viveu 14 anos, foi nosso primeiro cachorro em casa (imagina um lar onde há o pai, a mãe e três crianças!!!). Era um vira lata esperto, inteligente, ágil e bravinho, rs, sabia se impor, rs! Chegou a aprender a abrir as portas (se apoiava nas portas em duas patas e com a pata dianteira, puxava a maçaneta pra baixo),  para ir aonde queria!

Hoje, tenho dois cachorros e uma calopsita e o trio é a maior graça! O Toddy, nosso labrador de 5 anos, o Roque, que foi adotado em maio e o Chiquinho, nossa calopsita, figurinha rara!

Cada um foi adotado de uma forma única: O Toddy veio, após muitas insistências nossas com meu pai para termos outro cachorro e porque minha mãe sentia muita saudade do Igor. Ele concordou, mas que fosse um cachorro já crescido. Pois bem, procuramos em sites, contatos com pessoas, eis que uma moça que trabalhava com a amiga da minha irmã que ia morar nos EUA e não podia levar o cachorro! Bingo! Era um labrador chocolate, com pedigree e tudo, de 1 ano e pouco.  Foi a melhor coisa que aconteceu em nossas vidas!!!!!!!!!!!!!! O Toddy é simplesmente uma figura. Doce, inocente, estabanado, meigo, mimado (porque ninguém resiste ao seu olhar “pidão”) e cativante! Grande, guloso, doido por pão, difícil de levar para passear porque na verdade ele que te leva e não adianta adestrador. Adora buscar uma bolinha e adora sol, água e brincar! Companheiro, quentinho, fofo e gostoso de apertar! É o reizinho da casa, rs! 

Toddy, o melhor amigo, companheiro!

Toddy, o melhor amigo, companheiro!

O tempo passa rápido e já fico preocupada em não tê-lo por perto! Bom…. continuando…..

O Chiquinho veio pra casa, porque resolvemos comprar uma calopsita! Na verdade, nunca pensamos em ter um passarinho… a gente diz…. “passarinho não pode viver em gaiola” e é verdade!

Mas um dia resgatamos uma calopsita que quase morreu atropelada. Minha empregada entra no meu quarto e fala: “Cintia, sua mãe falou pra vc cuidar desse passarinho”. Fiquei com cara de interrogação, com um passarinho lindo na minha frente, dentro de uma caixa de papelão, e dormindo. Todo encolhidinho.

Cuidamos dele com todo o amor, minha mãe chegou com gaiola, comida de passarinho e tudo em casa naquele dia. Depois de uns 4 dias, minha cunhada que é veterinária, tava vendo umas comunidades de calopsita no orkut e se deparou com um anúncio de calopsita perdida no meu bairro. Pronto, achamos o lar dela e descobrimos que se chamava Cléo. Ligamos e deu tudo certo! Devolvemos o bichinho, com a certeza de que a dona cuidaria melhor dele!

Chiquinho, pequenino, falante, amigo!

Chiquinho, pequenino, falante, amigo!

Gaiola vazia em casa? Nãoooo! Nesse meio tempo, por termos achado os donos do Cléo, cogitamos ter outra calopsita e eu e minha mãe no shopping demos de cara com uma loja de animais e quando entramos…. havia 3 calopsitas numa gaiola. Compramos e trouxemos o Chiquinho pra casa. Arredio, medroso, bravo, não gosta que você ouse tocá-lo. Acho que ficou com trauma da loja, daquele povo sem noção pegando nele. É assim até hoje, salvo dias em que ele realmente pede um mimo. Veio com a asa cortada, mas deixamos crescer. Passarinho preso? Não, só vai pra gaiola pra comer e beber água e dormir…  ele fica solto e voa também. Fala ‘chiquinho’ e todas as outras  formas de seu nome que o chamamos: “chiquito”, “chiquitotito”, “chi”, “chicotito” e por aí vai rs.  Meigo, encantador, adora visita, dispara a falar quando ouve gente falando, um fofo. Ter o Chiquinho foi a maior surpresa que tivemos, não sabíamos o quanto ele poderia nos conquistar. E conquistou viu!

Roque! Esse tirou a sorte grande! Por mais que a gente ame cachorro em casa e tudo mais, não dá pra ficar tirando todos que você vê na rua. Minha mãe ama cachorro, mas gosta da casa em ordem. E já tínhamos o Toddy e o Chiquinho. Só que um dia ela viu um cachorrinho correndo feito doido na rua, com coleira, pra lá e pra cá, perto de um parque em Guarulhos. O cãozinho corria desesperado, quase foi atropelado. Parou o carro e o pegou mesmo. Deixou anúncio num veterinário perto dali, deu comida, banho e carinho. Trouxe o pequeno pra casa. Ahahahah! Uma operação para deixá-lo à vontade, mesmo com o Toddy ali. O Toddy? Ciumento, quis assegurar seu espaço! Mas não teve jeito. O Roque veio pra ficar. E é traumatizado porque você não pode falar mais grosso ou gesticular muito que ele se encolhe todo, assustado. Pequeno, veio tão magrinho… olhar triste e perdido. A gente acha que ele foi abandonado.

Graças a Deus o amor tudo cura e faz bem, não só aos homens, como aos animais e plantas! Hoje ele vive super bem, engordou, corre pra caramba, parece o “cofap” vcs lembram dessa propaganda? É alegrinho e espuleta. De vez em quando ainda faz xixi no lugar errado, mas faz parte. Tem a sua caminha, sua roupinha (friorento que só!) e deixou a casa mais divertida!

Roque e seu olhar de "dó"!

Roque e seu olhar de "dó"!

A relação dele e do Toddy é engraçada. Um muito pequeno e o outro muito grande. Mas se respeitam agora, e brincam, rosnam, entre trancos, barrancos, lambidas e disputa por atenção, recebem todo amor, carinho e cuidado que merecem! um vive perto do outro e o Roque sempre deita perto do Toddy porque sente frio, rs!

Amo muito meus três bichinhos! Sinto muitas saudades, porque agora não moro mais com meus pais, mas sempre que posso vou ver todo mundo, e aproveito pra ver meu trio predileto! Esse trio é sem igual!!!!!!!!!!!!!!

E esse post é uma homenagem a eles. Eles merecem!

Aproveito para também alertar as pessoas que querem ter um cão ou qualquer outro bicho. Pensem bem antes para não se arrependerem depois e maltratar o animal que não tem culpa de estar ali.  Foi iniciativa sua! Animal merece respeito, cuidado, então não é um enfeite, um brinquedo. Você gasta dinheiro com eles, tomam seu tempo sim, você precisa despender sua atenção e dedicação!

Se você os quer, faça direito ok?

Acho boa a campanha atual da prefeitura de São Paulo que esté sendo veiculada na televisão.

http://www.capital.sp.gov.br/portalpmsp/homec.jsp (Prefeitura de São Paulo)

http://www.youtube.com/watch?v=gUoyyAfL4QQ (Campanha Abandono)

Agora para quem pensa em adotar um bichinho, mais um incentivo:

http://www.adotaretudodebom.com.br/

A impermanência

30 jul

Recebi do meu professor de yoga, o Rodrigo, do Centro Satya e quero compartilhar com vocês pois acredito muito nisso!

( OBS: http://www.prembaba.org.br/home.htm )

 noname

Cuide de você!

29 jul

felicidadePara ler ouvindo Lisa Guerrard, música “Now we are free”:

 http://www.youtube.com/watch?v=zwuhSIQBVwI&feature=related

Não importa no que você trabalha, quanto você tem na sua conta do banco, onde você mora ou a sua aparência. Sendo um ser humano falho, imperfeito, cheio de defeitos, tem seus sofrimentos e angústias, medos e carências, como todo mundo! Se está vivo, encontra dificuldades como qualquer um, acredite! Todo mundo se compara aos outros, vez ou outra, ou faz uma certa competição, quer se sentir bem para seu próprio ego!

Tudo bem querer se sentir satisfeito, feliz consigo própro, contudo, nem sempre se consegue essa satisfação e essa felicidade, e a pergunta é: você enxerga o caminho por onde vai? O que você tem feito por você mesmo?

Daí me vem uma pergunta mais específica: o que você tem feito por você mesmo DE VERDADE?

A gente trabalha demais e reclama, a gente come demais e reclama, vive a rotina acelerada, dirige pensando o que fazer para sair desse trânsito, ou que vai chegar atrasado, ou quantas contas ainda tem a pagar, e se não esqueceu o celular em casa. Reclama do namorado, do pai, da mãe, do computador lento, do cachorro que não aprende a fazer xixi no lugar certo, do ônibus que atrasa e a fila do banco. Fala demais dos outros, fala, fala, fala! Sente sono, fome e mal consegue ter uma refeição decente. Tudo corre no botão automático! Então você uma hora, ou estoura, ou sente um grande vazio, fica desmotivado e desorientado, até doente!

Peraí! Em tempos como estes, em que existe um superestímulo a ser alguém “de sucesso”, a gente vive pressionado mesmo.  Mas o fato é que a gente se deixa pressionar, isso sim! E por quê?

Porque a gente espera reconhecimento dos OUTROS. A gente sempre quer aprovação alheia para tudo: o corte de cabelo,  a roupa que vestimos, o que compramos e quando decidimos casar, mudar ou viajar para outro lugar, ou ainda o emprego ou se deve terminar o relacionamento.

Sim! Fomos feitos para viver em grupo, nos ajudarmos constantemente, pois precisamos um dos outros, mas não para tudo! Somos seres individuais!!!!

Então…. acordando pra realidade…. faça coisas de que você gosta! E respeite-se acima de tudo, senão você passa a vida frustrado, amargurado e vira um chato que só reclama!

Não tenha medo de mudar de emprego se o atual te faz infeliz ou de começar um relacionamento…  ou de dizer que ama alguém! Seja feliz como pode! Não dá para se ter tudo como se imagina (leia-se idealiza). Então, agradeça o que já possui e corre atrás do resto, diferenciando o que é possível daquilo que é ilusão!

A gente precisa ser feliz com a gente mesmo, com o que somos! E ficar bem quando a situação é adversa, porque é fácil estar bem quando tudo te agrada!

1532859316_f9a0a50fc7Aprenda a gostar mais de você, a olhar para você de verdade, conheça a si mesmo! Só assim, você há de conseguir fazer as escolhas certas. 

E tudo começa com as coisas mais singelas. Faça um curso novo, aprenda um novo idioma, mas não porque ajuda o currículo, pelo amor de Deus, mas sim porque isto te deixa feliz! Vai estudar pintura, faça yoga, coma melhor, faça terapia, reze, medite, pratique exercícios, durma mais, acorde mais cedo, visite um orfanato ou um asilo.

Doe o seu amor, abrace mais as pessoas, chore quando quiser, diga “não” quando tiver vontade, sei lá, seja LIVRE ACIMA DE TUDO, para escolher, para REALIZAR o que sua mente e coração te pedem. Com a consciência limpa, não há o que temer. Não fique arrumando desculpas!

Lembre-se de Deus (ou o que você concebe como Deus) e que tudo tem uma razão, afinal, você está aí Vivinho da Silva para fazer algo.

Acima de tudo, não brinque com a vida alheia e não julgue. Não passe por cima de ninguém, seja quem for, seja lá o que façam.  A vida faz os papéis se inverterem, uma hora ou outra, portanto, saiba o que você está semeando.

Nós não temos todas as respostas para tudo…. e daí? Se começar a ter mais consciência de quem é, já ajuda. Se lembrar que existe um universo em volta de nós e não olhar só para o próprio umbigo também!

E eu me incluo nessa, afinal, sou mais um grãozinho de areia, oras!  bem-estar1

MONTE VERDE

28 jul

Passei minha lua de mel em Monte Verde. Eu e o meu marido ganhamos de presente de nossos padrinhos alguns dias numa pousada maravilhosa, mas não curtimos só por estarmos juntos celebrando nosso casamento não…. não…. Monte Verde é especial mesmo! Fora que sossego é comigo mesmo! Passamos dias tranquilos, fizemos o que queríamos, comemos bem, fizemos trilha, andamos de quadriciclo, relaxamos!

Frio! Temperatura chegou a 4 graus e 2 graus à noite. Não se esqueça de levar gorro, as luvas e o cachecol.

Fomos muito bem atendidos, diga-se de passagem. As pessoas são simpáticas e hospitaleiras.

Mas para chegar até lá, você vai pela Fernão Dias até a cidade de Camanducaia – MG, onde você acessa uma estradinha de mão dupla com buracos e de terra, pouco asfaltada (estavam recapeando quando fui) que te leva até Monte Verde. Muita gente reclama da estrada, pela má conservação, mas havia trechos sendo recapeados quando ali passei.

avenidaMonteVerde1

Avenida Monte Verde! Tranquila, estilo europeu.

 Bom, mas vamos ao que interessa, a lista de lugares que eu conheci:

1) Pousada Mirante da Colyna www.mirantedacolyna.com.br

Show de bola, apesar do preço ser meio salgado, (fui em alta temporada)  é premiada por diversos aspectos, principalmente por não ter muitos chalés, mas comportar em sua infraestrutura tudo que possa trazer ao hóspede conforto e diversão. A comida também muito boa, principalmente o café da manhã. Mas ligue com antecedência, pois costuma estar toda ocupada, principalmente nesta época do ano. Tem uma vista maravilhosa dos chalés, muito verde, muitos pássaros e proporciona muita tranquilidade. Atendimento excelente! Lareira, calefação, hidro em alguns chalés, tv, dvd. A pousada ainda tem sala de jogos, videogame, cinema (tela bacana e gdes poltronas), área verde, sauna, piscina aquecida, spa, etc)

2) Restaurante Pucci

Cardápio maravilhoso, pão artesanal, ambiente aconchegante e muito gostoso.

3) Beija Flor

Li numa matéria da 4 Rodas (revista) que tem um excelente café da manhã, mas experimentei o fondue de carne lá. Muito bom, no coments! Eu não comi, mas também falam muito dos doces de lá.

4) Restaurante Panela de Ferro

Experimentei o festival de fondue (carne, queijo e chocolate). Para acompanhar um bom vilho (Salton, tinto, cabernet sauvignon). Ambiente rústico, iguarias especializadas tendo como carro chefe fondues de queijo e carne, além da deliciosa picanha na tábua e variadas sopas e não esquecendo da truta, peixe tipico da região.
Num almoço, dias antes, meu marido comeu o tão desejado prato de costelinha à mineira. Sensacional!

4) Restaurante Marcius

Tomei a deliciosa e quente sopa no pão italiano. Restaurante tradicional, aconchegante, para uma noite fria!

5) Paulo das Trutas

Quer comer a melhor truta do mundo? Peça a truta ao papelote (truta embrulhadinha no papel alumínio, com cebola, azeitonas verdes, amêndoas, acompanhada de arroz branco e batatas – magnificamente douradas e crocantes por fora e macias por dentro). Espetacular!

 6) Lüb Jöh

Comprei moletons e peças lindas lá, conjuntos de plush.  Lindos!

7) Saboneteria Mantiqueira

Tem velas cheirosas, kits para banhos, incensos, esponjas, sabonetes artesanais, essências, perfumes, sachês, shampoos, condicionadores, espumas para banhos, sabonetes líquidos…. Tudo maravilhoso, bonito e cheiroso!!!!!!!!!!!! E em essências maravilhosas, como alecrim, cânfora, maçã, canela, etc).

Dá vontade de levar de tudo, ahahah!

8) E tem as trilhas. (Pedra Partida, Pedra Redonda, Chapéu do Bispo, Platô e Pico do Selado). Em média 1900 a 2000 metros de altitude, em dia limpo e claro, dá até para ver São José dos Campos. (tirei até foto pra comprovar, rs).

E os passeios de quadriciclo (paguei 90 reais, 2 quadriciclos por uma hora) ou a cavalo, ou jipe… vc escolhe o que mais te agrada.

Se preferir tem até vôos de 30 minutos a 45 minutos até uma cachoeira a 30 Km de Monte Verde. (Cachoeira dos Pretos).

9) Café Platô

Em meio ao inverno, após uma bela caminhada até o Platô, nada como parar no pé da montanha, se acomodar no  Café Platô num dia tão ensolarado como o que tivemos e tomar uma boa cervejinha. (Erdinger)

OBS> já que estava em Minas não pude deixar de comprar umas garrafas da boa cachaça mineira. Levei de mel e de banana, adoro, rs!

10) Pousada Alto de Monte Verde

Fui até essa pousada por indicação de nossa guia de quadriciclo, a Tania, super gente boa, nos deu altas dicas. Sabe o que vc faz nessa pousada?

Dá comida para esquilo! Ahahahah, muito legal! A pousada abre, a partir das 13 horas, um deck onde vc tem acesso a uma área verde, e dali você recebe as visitas desses animaizinhos cheios de graça e ternura. Quem nunca gostou de Tico e Teco, rs?

Fala sério, são a coisa mais linda. Ágeis, eles descem para pegar o amendoim na sua mão.Espetáculo à parte é a vizinhança: beija-flores, e diversos passarinhos, todos coloridos, deixando ainda um presente sonoro para os nossos ouvidos. Tudo remetendo à mais pura PAZ!

Espero voltar em breve. 

(Aguardem as fotos, tá?)

Z4guckv

O fofo do esquilo vindo buscar amendoim na minha mão!

monte_verde1

Vista da vila

Aprovei e recomendo!

7 jul

Ouça a música com que entrei em minha cerimônia (“She”), e claro, com o próprio Charles Aznavour cantando que é muito melhor, rs: http://www.youtube.com/watch?v=d_pXZ-hDVxw&feature=related

Tanta correria nos últimos 3 meses, mas valeu! A gente não imagina como é bom! Claro que o casamento de verdade começa depois da festa, mas a celebração é muito gostosa… nem todo mundo faz questão, é verdade, mas festa é sempre festa e é muito bom!

Gostei de tudo! Estava tudo do jeito que eu queria. Recebi elogios sobre a festa, decoração, comida, bebida…  fiquei satisfeita, então… indico para vocês as empresas que contratei, meu fornecedores: 

– Bebidas: Emporio Borges. www.emporioborges.com.br Foram compradas em consignação 72 garrafas de prosecco italiano, Castel Novo e 24 garrafas de vinho tinto chileno Concha Y Toro. Para 150 convidados. Sobraram algumas de tinto e três caixas de prosecco com 6 garrafas cada uma.

OBS> o whisky eu comprei. Levei 12 garrafas de red label que eu comprei no duty free. Levei mais 3 garrafas de black label. Sobraram 5 garrafas de red label.

O prosecco e o tinto foram indicados pelo pessoal do Emporio e todo mundo na festa gostou. Eu não esperava que bebessem muito tinto, mas fez o maior sucesso.

Bem Casados

Nossos bem casados. Foram 400 para 150 convidados. Sobraram cerca de 40 unidades.

– Bem casados: Emilia Bem-Casado www.emiliabemcasados.com.br 

Meu irmão que não gosta de bem casados, abriu exceção, comeu à beça e adorou!

– Doces e bolo: La Vie en Douce www.lavieendouce.com.br

Os doces foram a maior sensação da festa! Muito gostosos e variados, tudo de bom!

Doces e bolo

Nossos doces e o bolo

Estava tudo lindo, do jeito que eu sonhava e queria, muito lindo!

– Buffet: The Factory Buffet. Aluguel do espaço no total foi em torno de uns R$ 15.000,00, incluindo DJ, bar de caipirinhas que contratei à parte, mobiliário, staff, coquetel, jantar (massa, carne, acompanhamentos e salada), refrigerantes, água e 2 tipos de suco,sobremesa, (4 tipos), mesa de café e petit fours.  Gostei do lugar, comportou perfeitamente bem meu número de convidados (150) sentados e no andar de cima ficou o local da cerimônia e depois a pista. É um espaço pequeno até, mas para mim foi o ideal, pois não ficou sobrando espaço vazio, e todo mundo ficou confortável! http://www.thefactorybuffet.com/             

– Decoração:  empresa credenciada do buffet que eu escolhi, e que também fez assessoria no dia do evento. As meninas foram ótimas, Paula e Cris da Papit Design Floral!  

Decoração floral e iluminação e mobiliário do Buffet.

Decoração floral e iluminação e mobiliário do Buffet.

http://www.papit.com.br

– Convites: Papel e Estilo – loja de Moema. www.papeleestilo.com.br  

Fiz um convite fora do clássico, pessoal e pouco formal (só porque coloquei o nome dos pais), as pessoas adoraram, era lilás, combinava com a decoração da festa e tinha uma fita prateada que vc abria para ler.  O melhor de tudo do modelo é que o preço era bom. (R$ 500,00, 90 convites).

– Foto e Vídeo: Matrix Foto e Vídeo www.matrixfotoevideo.com.br   

Pessoal da Matrix. Fiquei com as minhas 1400 fotos do evento.

Pessoal da Matrix. Fiquei com as minhas 1400 fotos do evento.

Pessoal muito bacana, atencioso, belíssimo trabalho, eles te dão o Cd com todas as fotos do casamento. No orçamento, foram incluídos, álbum, DVD completo com retrospectiva tbm. Foram R$ 5.000,00 (salgadinho), mas valeu a pena, a equipe com dois fotógrafos e dois cinegrafistas foi ótima, pessoal bacana. Ficaram comigo desde o salão até toda a festa! Foram muuuuuitas fotos!

Do principal é isso. Vestido eu ganhei o primeiro aluguel de presente, usei do Salão das Noivas (Av. Brasil, 1980).

Tbm ganhei as lembrancinhas de presente (foram sais de banho em vidrinhos com lacinho prateado e uma fotinho dos noivos com a data). E ganhei o bouquet tbm, rosas liláses.

Meu bouquet. Ganhei uma réplica menor para jogar.

Meu bouquet. Ganhei uma réplica menor para jogar.

O meu sapato comprei na Durval Calçados.

Os noivinhos fiz na Arte Pincel e Cia. Não quis gastar com esse item. E estavam bonitinhos, um de frente pro outro, abraçadinhos, exatamente como estávamos vestidos.

Não quis fazer dia da noiva, não tenho paciência para ficar o dia inteiro num salão. Cheguei lá bem sossegada, às 15 horas (casamento foi às 20), fiz cabelo e maquiagem, fiquei linda! Adorei a produção! (fiz no salão Shirley no Campo Belo). Gastei R$ 400,00, incluindo teste de cabelo e maquiagem que fiz 15 dias antes.

Noite de núpcias no Ceasar Park Business Hotel – Faria Lima. Rosas, trufas, frutas, champanhe, café da manhã no quarto, late check-out.

É isso. São as minhas indicações. Espero que ajudem as futuras noivas a escolherem seus serviços.

É importante pesquisar muito, negociar preços, formas de pagamento, ter bastante paciência e calma, porque no fim dá tudo muito certo mesmo viu!

🙂